2020: O risco vai compensar?

8 de fevereiro de 2013

E agora José?


E agora José? Este é um termo conhecido por todos os brasileiros e não requer explicações, vou fazer uma pequena adaptação: E agora Ministro Mantega, qual vai ser o coelho da cartola? Parece que o nosso Ministro não se abalou, mesmo a inflação sendo manchete de todos os jornais, declarou .." O recente pico da inflação não é motivo para alarde"... O post negando-realidade, já apontou esta patologia de nosso Ministro, aguardem, é só questão de tempo para mudanças. 

Em maio do ano passado, no post surprise..., alertei para abandonarem as aplicações indexadas ao CDI e para migrarem para títulos indexados a inflação, espero que tenham seguido meus conselhos. Ontem foi publicado o IPCA do mês de janeiro que atingiu 0,86%, é a maior taxa para o mês de janeiro desde 2.005. Não fosse o desconto nas contas de energia, este índice teria atingido 0,99%, alguma recordação do passado? O pior é que o grau de difusão atingiu o recorde histórico de 75%. Continua valendo a leitura de que muitos itens estão em alta, alguns com elevações expressivas, e poucos em baixa, com variação pequena.


Vocês devem ter observado que, nos últimos meses a inflação vem acelerando. Preparei uma tabela onde fica visível este fato, a primeira linha é a inflação nos últimos 12 meses em bases mensais e anuais, em seguida ao dos últimos 6 meses, e finalmente a dos últimos 3 meses.


Nossa David! Vamos para inflações de 2 dígitos?
Ainda não acredito que estamos neste cenário, pois no ano passado alguns fatores contribuíram para a elevação da inflação. Eu poderia citar a desvalorização do real, e alta das commodities agrícolas, que não deverão se repetir este ano com a mesma magnitude, porém como a política monetária está frouxa, ou melhor, na “torcida”, e estamos em pleno emprego agregado a “memória” inflacionária, todo cuidado é pouco.

Venho frisando que o Governo quer controlar tudo e como isto não é possível, os “trancos” vão acontecendo sem aviso. Se houver uma expectativa generalizada, pelos agentes econômicos,  que a inflação vai continuar subindo, ou o BC “manda bala” nos juros, ou não quero nem pensar! Em todo caso, fujam do CDI!  Espero que o Governo não adote as ideias do país vizinho, que resolveu seu problema de inflação tabelando os preços.

Hoje o real penetrou abaixo do nível de R$ 1,96, com a minima de R$ 1,9503. No post guerra-cambial indiquei está região como um ponto de compra, é e o que executei. Os argumentos do mercado para queda, são exatamente o que eu havia citado, a de que o BC usaria o câmbio para segurar a inflação, eu não acredito! Vá as compras e caso o BC, faça esta “barbeiragem”,  o stoploss garante que não vamos perder as calças! Hahahaha......



O SP500 fechou a 1517, com alta de 0,57%; o real a R$ 1,9725, com alta de 0,32; o euro a 1,3365, com queda de 0,23% e 0 ouro a US$ 1.668, com baixa de 0,13%.


Hoje começa o carnaval e o mosca pretende publicar na próxima quinta-feira a não ser que algo importante aconteça no exterior, divirta-se.

Fique ligado!

Nenhum comentário:

Postar um comentário