2020: O risco vai compensar?

5 de outubro de 2012

CDI em baixa


Eu venho enfatizando em vários posts dos quais destaco o-governo-combinou-com-os-russossurprise, que investir em CDI não iriá propiciar retornos interessantes para o futuro. O motivo principal atrás desta afirmação, é a forma como vem sendo conduzida a política econômica neste Governo, que prioriza o crescimento da Indústria a qualquer custo, onde uma das medidas é a queda da taxa de juros. Eu sei também, que hoje qualquer BC do mundo, está procedendo da mesma forma. A título de exemplo, o FED além de não pagar juros nenhum, envia helicópteros sem limite, a diferença é que aqui, diferentemente dos USA, a taxa de desemprego está nas mínimas históricas.

O Wall Street Journal publicou uma matéria enfatizando que os investidores, apostando em mais más notícias para nossa economia, estão comprando títulos brasileiros indexados à inflação.

O Investidores dos mercados emergentes estão preocupados que o Brasil pode perder seu frouxo controle da inflação, para incentivar sua economia, que está crescendo a 1,6% este ano, abaixo dos 2,7% em 2.011.
O economista do Banco Standard Chartered disse: Parece que o Banco Central tem uma visão e o mercado tem outra diferente.

Por causa desta desconfiança, vejam o retorno dos títulos indexados à inflação, NTN-B´s, comparado aos indexados ao CDI.


- David, estou lembrado, você disse exatamente isso. Vamos comprar as NTN-B?
É, agora já fica um pouco mais difícil a decisão, no gráfico acima ao centro, está a evolução do rendimento destes papéis que se encontram ao redor de 3% a.a. + Inflação (IPCA). Como fazer a comparação? O BC parece ter indicado que a taxa SELIC vai permanecer em 7,5% a.a., e com as NTN-B neste nível, a inflação de equilíbrio é de 4,4% a.a., ou seja, acima disso este último é melhor, abaixo os títulos indexados ao CDI ganham.

O último IPCA publicado foi de 5,31% a.a., e as estimativas do mercado é que ele suba acima de 5,5%a.a., então parece que as NTN-B ainda são mais interessantes, mas não como antigamente. Agora, se a inflação subir mais, o que é possível, eu duvido que o BC subirá a SELIC, ou no mínimo, vai teimar por um tempo. 
Com tantos helicópteros voando pelos céus se tivesse que apostar seria numa elevação da inflação, como eu apresentei no post os-números-nao-mentem.

Foi publicada a taxa de desemprego nos USA, que caiu para 7,8%, um índice melhor que o mercado esperava, porém foram criadas apenas 114.000 postos de trabalho. Então como a taxa pode cair? É porque a taxa de desemprego é calculada de um forma diferente, através de pesquisa com as famílias. Está distorção não é muito lógica, e pelo fechamento dos mercados, que devolverão os ganhos da manhã, também ficou na dúvida.

O SP500 fechou a 1.460, sem alteração; o real a R$ 2,0300, com alta de 0,57%; o euro a 1,3033, com alta de 0,14% e o ouro a US$ 1.780, com queda de 0,56%.
Fique ligado!
COOL


Nenhum comentário:

Postar um comentário