2020: O risco vai compensar?

23 de janeiro de 2013

O que aconteceu com o ouro?


No mundo artístico é muito comum um cantor fazer sucesso com uma música e depois sumir. Será que é isto que aconteceu no mundo dos negócios com o ouro? O metal passou alguns anos como "o popstar" , mas ultimamente virou notícia de roda pé, de terceira categoria! Não acredito que o pico aconteceu no ano passado, quando atingiu a cotação de US$ 1.920, naquele momento o mosca alertou várias vezes que passaria por uma correção e como vocês sabem, correção é correção.

O ouro vinha impulsionado por dois motivos principais, primeiro que o excesso de helicópteros lançados pelo FED fariam com que o dólar se esborrachasse, e segundo que pelo mesmo motivo a inflação iria disparar. Em relação ao primeiro fator nada aconteceu de muito grave, pois como o BCE, BOJ, BC da Suiça, BOE e outros mais também lançaram mão de seus helicópteros, um anula o outro! Hahahahah.... Quanto ao segundo item, a inflação tem estado muitíssimo bem comportada. Estes fatores tiraram a excitação, no curto prazo, sobre o metal.

Por outro lado os BCs vêm incrementando suas posições de ouro, um a um, e a demanda na Ásia, leia-se China e Índia, vem subindo bastante também.

- Bla, bla, bla,....David, é para comprar ou para vender?
Ok, entendi o recado, vamos aos gráficos.

Durante estes 18 meses, o preço tem estado contido entre U$ 1.750 e US$ 1.520, vai para cima, vai para baixo, mas nada de romper as linhas colocadas no retângulo em vermelho, e enquanto isto não acontecer, não tenho nada a comentar, somente operações de curto prazo e sem muita convicção, correção! O que eu teria para acrescentar é que houve um teste da linha cinza, que frisei em azul, e não rompeu. O que isto pode representar? Não muita coisa.

Não vou procurar aqui defender teorias ou limites, se isto acontecer ou aquilo acontecer, objetivamente não tenho nada mais a acrescentar que vocês á não sabem, That´s it!

O SP500 fechou a 1.495, com alta de 0,15%; o real a R$ 2,0350, com baixa de 0,37%; o euro a 1,3319, sem variação e o oruo a 1.685, com baixa de 0,36%.
Fique ligado!

Nenhum comentário:

Postar um comentário