Inflação: A Revanche

17 de março de 2017

Inacreditável


Por motivos pessoais, o post hoje se resume a alguns gráficos de interesse geral, seguida da análise técnica do dia.

Abaixo temos um mapa mundial que está marcado de azul em uma área extensa, com uma minúscula em vermelho. Quais das alternativas abaixo você acha que é a correta?

A)     Em ambas se fala a mesma língua.
B)      Azul tem um PIB superior ao de toda a área vermelha.
C)      Azul tem o mesmo número de habitantes que a vermelha.
D)     Ambas possuem a mesma religião predominante.


- David, agora você vem com pegadinhas?
Ah é, então qual a resposta certa? Por incrível que pareça, a resposta é a C: têm o mesmo número de habitantes. Isso demonstra como a população é má distribuída no planeta. Um monte de gente junta de um lado e áreas gigantescas com pouquíssimos habitantes do outro.

O gráfico a seguir mostra como títulos de empresas passaram para a mão dos estrangeiros. Antes, os preços desses títulos eram menos vulneráveis às oscilações do dólar e da política monetária americana. Agora, após essa mudança, um escorregão do FED pode causar um grande estrago nos juros desses títulos afetando os investimentos nos EUA.

 
E, por último, como uma pessoa usa seu tempo durante os dias de semana (pontilhado) e no final de semana (linha cheia) de acordo com a sua faixa etária.


No post marketing-chines, fiz os seguintes comentários sobre o Ibovespa: ...” O Mosca está apostando na opção azul (1), uma correção leve limitada ao nível de 63.000, com o potencial de levar o Ibovespa aos 74.000” ... ...” outra opção de correção levaria o índice a níveis bem inferiores. Eu apontei no gráfico em verde (2) onde poderia chegar, entre 56.000 e 59.000” ... ...” acho que estamos num momento de cautela e os preços não estão uma bargain! Vamos devagar, sem compras adicionais no momento” ...

 
Esta semana a bolsa ensaiou uma recuperação, porém hoje está fechando a 64.300; bastante próximo do nosso stoploss. A não ser que imediatamente haja uma reversão é bem provável que nosso stoploss seja ativado.

 
Caso isso venha a acontecer, não mudo meu viés de alta no médio prazo, porém teremos que observar novos intervalos para identificar eventuais reversões. O primeiro nível é por volta de 61.000, em seguida 58.800 e por último 56.300. Abaixo desse último, minha convicção de alta se altera significativamente.

- David, e se formos estopados nos 63.000 e depois a bolsa reverte nos 61.000? Você vai ficar muito p#@o! Hahaha ...
Não vejo nenhuma graça! Vou ficar, mas faz parte do jogo. Por outro lado, não posso ficar comprado, esperando a reversão e ela não acontecer; e aí, como eu fico? Sem bolso! Mas, mesmo que aconteça o que você supõe, não significa que vamos ficar chupando o dedo. Lembre-se do que eu disse ontem: ganhar poucas vezes muito e perder muitas vezes pouco, esse é nosso lema.


O SP500 fechou a 2.378, com queda de 0,1#%; o USDBRL a R$ 3,0911, com queda de 0,80%; o EURUS a 1,0741, com queda de 0,23%; e o ouro a US$ 1.228, com alta de 0,16%.
Fique ligado!

Nenhum comentário:

Postar um comentário